Por Pet Conecta Digital Em Vet Atualizada em 10 MAI 2022 - 11H52

Planejamento estratégico: a chave do sucesso do seu negócio

Para crescer de forma real e sustentável, é necessário estabelecer metas e objetivos a serem conquistados ao longo do ano



Para crescer de forma real e sustentável, é necessário estabelecer metas e objetivos a serem conquistados ao longo do ano para que todos os membros do time saibam o que estão buscando.

Só assim, com desafios criados e claramente divulgados, poderá haver o engajamento necessário para obtenção dos resultados. E a melhor forma de conseguir o sucesso é fazendo um planejamento estratégico bem elaborado e estudado.

Por onde começar?

É fundamental ter informações sólidas acerca do histórico da empresa, pois, a partir daí que será possível fazer as projeções. Uma empresa sem histórico, não consegue projetar com convicção. Partindo de números confiáveis dos resultados dos últimos anos, o gestor pode traçar metas tangíveis e apresentá-las à equipe, mostrando como alcançá-las.

Em uma clínica ou hospital veterinário, há muito que se planejar para crescer e, assim, melhorar a lucratividade da empresa.

É possível:

aumentar o número de pacientes vacinados, assim como o número de vacinas por paciente fugindo do tradicional múltipla e antirrábica;

elevar o percentual de pacientes radiografados ao chegar no estabelecimento com claudicação, ao invés de radiografar só aqueles que não melhoraram com a prescrição de anti-inflamatório;

realizar mais exames de cultura e antibiograma de urina nos pacientes com cistite, ao invés de só fazê-lo nos que não respondam bem ao tratamento clínico empregado;

implantar mais microchips nos filhotes, mais avaliações cardiológicas nos idosos, realizar exames pré-operatórios e maior número de cirurgias, etc.

A lista é imensa!

Aproveite este início de ano para projetar as melhorias e os novos serviços que quer implantar, depois insira um percentual de crescimento anual. Deixe bem claro qual é o seu custo atual e também o budget máximo da empresa. Assim, você terá uma visão macro do negócio e conseguirá visualizar onde pode gastar mais e quando é a hora de pisar no freio. Nunca esqueça de deixar um dinheiro guardado para emergências. Elas sempre acontecem.

Somente depois de todas as metas e custos estabelecidos, é possível entrar em ação e sair em busca dos resultados, mas sem esquecer de promover bem-estar e saúde para os pacientes e, desta forma, satisfazer os desejos dos clientes. Uma relação ganha-ganha-ganha entre pacientes, clientes e veterinários.

Você está gastando muito?

Com o planejamento estratégico, é possível aumentar não só o número de serviços e atendimentos prestados, mas também, por meio de medidas de economia. Gastando menos, sem comprometer a qualidade do serviço, também melhora o desempenho e, consequentemente, a lucratividade da empresa.

Quantos tapetes higiênicos você usa por paciente internado diariamente, por exemplo? Se tiver registro deste número, talvez seja possível reduzi-lo, assim como fazer buscas de alternativas para redução da conta de luz e telefone. 

Como pode ver, há muito o que ser feito para que 2022 seja melhor. Para isso, você precisa entender seus erros, seu trabalho atual e onde quer chegar. Só depende de planejamento estratégico. E você, já fez o de sua empresa?

Renato Costa
Médico-veterinário
Diretor da clínica veterinária Animalia no Rio de Janeiro e diretor técnico da Associação Brasileira dos Hospitais Veterinários (ABHV), São Paulo/SP 

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pet Conecta Digital, em Vet

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.