Rodrigo Albuquerque

Não existe time pronto, ele precisa ser treinado

Capacite bem os seus colaboradores para que eles possam partir e trate-os bem para que prefiram ficar

Escrito por Pet Conecta Digital

14 SET 2022 - 08H00

Capacite bem os seus colaboradores para que eles possam partir e trate-os bem para que prefiram ficar. Essa frase, atribuída ao empresário britânico Richard Branson, se encaixa perfeitamente à forma como eu penso. No final, pouco importa a área de atuação da empresa ou produto que ela vende; o negócio é feito por pessoas, e, sem elas, é impossível prosperar.

Já vi empresas com excelentes produtos, mas que fracassaram porque o time, na linha de frente ou nos bastidores, era ruim. E, por incrível que possa parecer, conheço muitas companhias que começaram com produtos ruins e, hoje, são bem sucedidas. Isso porque a equipe compensou, no início, uma qualidade inferior com um serviço de primeira, o que lhe deu tempo para aprimorar o produto e oferecer, enfim, o pacote completo.

O segredo, além do recrutamento – sobre o qual já falei – está no treinamento. É preciso, em síntese, contratar o comportamento e treinar a técnica. A maioria das empresas, infelizmente, não reserva o tempo mínimo e não dedica o foco necessário para essa tarefa.

Não pense que você vai treinar uma ou duas vezes e, pronto, o time estará redondinho para entregar resultados. É preciso constância. É preciso paciência para orientar, ensinar, corrigir... e formar!

Algumas dicas

Formar um time dá muito trabalho, eu garanto, mas vale a pena. Como já disse Derek Bok, ex-presidente da Universidade de Harvard, se você acredita que o treinamento é caro, experimente a ignorância.

Quanto mais preparada for o seu time, melhor será o seu resultado. É preciso reservar tempo a essa atividade para que você possa cuidar dos temas estratégicos. Do contrário, você se verá escravo da operação.

Portanto:

• Não delegue essa função para um terceiro, faça você mesmo;
• Explique como a empresa começou e por que começou - envolva as pessoas na sua causa;
• Aborde os diferenciais do seu negócio;
• Faça uma análise das deficiência do seu time para oferecer o conteúdo certo;
• Aposte em diferentes formas de treinamento – livros, podcasts, aulas, vídeos - e priorize exemplos reais;
• Faça uma prova, que deve ser aplicada depois do treinamento – é importante ver se o funcionário entendeu;
• Resista, persista e insista - as coisas precisam de constância para funcionar.

Lembre-se: a contratação é só o começo do processo, então treine, treine e treine. Com uma equipe preparada, você trabalhará menos e terá mais tempo para planejar o futuro da empresa.


Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pet Conecta Digital, em Rodrigo Albuquerque

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.